terça-feira, 18 de março de 2014

Inicio de Profissão




Recebi de uma amiga do blog uma pergunta que achei super interessante, mas ao tentar responder para ela o e-mail voltou. Foi a pergunta da amiga Laís e ela me perguntou o seguinte:


Lena, qual foi a maior dificuldade que já passou na sua profissão?

Querida Laís se ler esta postagem entre em contato novamente para receber seu presente por ter sido escolhida como uma das perguntas ganhadoras. 

Coloquei essa questão como uma dinâmica em nosso grupo do Facebook e vou postar aqui as respostas, porque tenho certeza que muitas de vocês irão se identificar e ficarão mais tranquilas, sabendo que o começo é difícil para qualquer uma, como foi para mim também há 30 anos atrás, alias mais do que agora, pois nem havia cursos de depilação, a gente aprendia na raça, uma explicação básica e mãos na massa. Quanta tremedeira! Mas o cuidado com a cliente sempre foi o mandamento nº 1 de nosso trabalho.

Em primeiro lugar aqui está a minha resposta:

A 1ª depilação completa que fiz profissionalmente e sozinha ..... aiaiaiaiai ... levei quase 03 horas. A cliente era gorda, as coxas bem largas e muito, muito peluda. Ela nunca havia feito depilação antes, e estava ali porque iria se casar e ganhara uma depilação completa de presente de sua tia madrinha. Vocês podem imaginar? Eu tremia tanto, fiquei tão nervosa! Eu saí da cabine várias vezes, porque além de tudo eu sou uma pessoa que quando fico nervosa começo rir, então eu corria até a cozinha onde ficavam as empregadas e ria tanto e elas sem saber o que estava acontecendo riam junto comigo. Daí eu me acalmava e voltava.
Bem depois dessa eu depilava tranquilamente qualquer tipo de cliente kkkkkk foi minha prova de fogo e o pior é que eu era uma das donas do instituto. Mas a cliente amou, apesar do tempo que teve de ficar na maca, mas sabe que ela até cochilou kkkkk Depois quando contei para meu pessoal o que havia acontecido rimos muito de verdade.

Outra história de inicio de profissão foi contada por uma das meninas do grupo. Ela contou que por 03 vezes passou um sufoco pelo mesmo motivo e foi quando depois de passar a cera na virilha da cliente, na hora de puxar uma parte saiu e a outra ficou grudada nos pelos sem ter como puxar. Então a cliente até tentou ajudar puxando ela mesma uma parte, e a outra parte ela teve de cortar para poder tirar a cera. Ela ficou com muita vergonha nessa situação tão constrangedora. 

Outra contou que levou umas 04 horas para depilar sua primeira cliente e depois a cliente perguntou se ela já tinha feito depilação em muita gente e ela envergonhada disse que sim, evidente que a cliente não acreditou.

Outra amiga do grupo contou que fazendo a virilha de uma cliente já conhecida, na parte de baixo os pelos não saiam de jeito nenhum, porque estavam grossos devido a cliente ter passado gilete. Ela tentou com a cera várias vezes, mas no final teve que usar a pinça. Ela ficou nervosa e agradeceu a paciência da cliente. 

Outra nos contou que, como a grande maioria, a maior dificuldade que teve foi na primeira depilação de virilha, uma tricotomia, aquela em que se tira todos os pelos da parte intima, e disse que ainda bem que foi na prima dela e não estava cobrando, porque senão a prima lhe matava, pois passou cera em tudo e depois na hora de tirar foi o maior sufoco, disse que perdeu quase um quilo de tanto que suou, e que foi tudo muito tenso.

Outra profissional do grupo contou que nas primeiras depilações que fazia tudo era um bicho de sete cabeças. Se a cliente sangrava um pouco ela quase morria, se a pele ficava muito vermelha também, e o primeiro hematoma que aconteceu ela chegou a pensar em desistir da profissão, e achou que a cliente nunca mais voltaria, mas no outro mês ela voltou. Ela acrescentou que só o tempo vai mostrando a normalidade de certas situações, e com jeito e discrição se vai contornando e são esses contratempos que vão fortalecendo e fazendo a profissional ficar cada dia melhor.

Bem meninas, deu para perceber que todas que hoje somos profissionais tivemos um começo, como algumas de vocês hoje. Cometemos nossos erros, passamos por situações constrangedoras, mas não desistimos. Eu comparo depilação como aprender a dirigir. Pelo menos para mim foi assim. 

Eu achei que não iria conseguir dirigir nunca! Meu Deus era muita coisa pra fazer ao mesmo tempo, olhar no espelho, pisar na embreagem, acelerar, olhar pra frente, sair devagarinho, ah! não vou conseguir. Mas conforme fui treinando, e tendo um excelente intrutor, tudo foi ficando meio que automático. Evidente que as primeiras vezes que peguei meu carro depois de tirar a carta, cometi algumas coisinhas sim, mas nada grave e com o tempo tudo foi ficando muito fácil e automático. 

Espero que essa postagem mostre a vocês que todo começo é um pouco difícil mesmo, mas com força de vontade, postura profissional e tendo o bem estar de sua cliente em primeiríssimo lugar, os pequenos erros serão superados e muito breve você se tornará uma depiladora insubstituível. 


Mensagem do dia
Medo
O medo amedronta os fracos
e desafia os fortes.
Para ler toda a mensagem
clique no título.










Nenhum comentário:

Postar um comentário