terça-feira, 22 de novembro de 2011

Onde começou a arte de depilar-se

Olá, estou criando este blog para lhes falar tudo que aprendi sobre depilação, nestes meus quase 30 anos de profissão, segredos que a partir de agora deixarão de ser segredos e que contarei só para voces.

Há tempos, pessoas em diversas sociedades procuram eliminar o excesso de pelos e penugens, para fins estéticos (...) e para higiene pessoal. A história nos revela que em 1500 a.C. OS HOMENS (simmmmm, isso mesmo "os homens") já removiam os pelos com um depilador feito de sangue de diversos animais, gordura de hipopótamo, carcaça de tartaruga e trissulfeto de antimônio (nossaaaa credoooo). Os romanos também se referem a composições depiladoras, algumas das quais continham soda cáustica como destacado ingrediente. Cleópatra tirava seus tão indesejáveis pelos com faixas de tecidos finos banhados em cera quente. 
 
Depilar é preciso, mas às vezes os pelos são substituídos por manchas, espinhas ou irritações na pele. Para evitar o problema, é necessário escolher um excelente produto e acima de tudo uma profissional capacitada e experiente na arte de depilar.
Se há um assunto de que toda brasileira entende é depilação. 
 
A nossa paixão por esse assunto é tão grande que já fizemos fama até no exterior a tal Brazilian Wax, técnica depilatória que consiste em depilar tudo na virilha, deixando só uma tirinha de pelos sobre o monte de Vênus, ficou tão famosa que até no seriado Sex and the City apareceu. Mas o que nem todo mundo sabe é que o tipo de depilação deve ser escolhido com muito cuidado. Mas sôbre isso falarei na próxima postagem, me acompanhem, pois há muito para descobrir sobre esse assunto tão novo e tão velho ao mesmo tempo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário